Balanço geral: manifestações massivas no mundo no contexto da crise capitalista

Autores: 
Célia Barbosa da Silva Pereira

Resumo

O artigo aborda o debate suscitado pelas manifestações massivas que ocorreram em diferentes países a partir de 2009. Estas foram examinadas por diferentes autores como reações aos efeitos do acirramento da crise capitalista, notórios, sobretudo a partir de 2008. Chamou a atenção dos analistas a semelhança no formato das manifestações, a partir da qual é possível notar traços de inovações e permanências em relação às origens, o perfil dos manifestantes, os objetivos, a forma de organização, as principais bandeiras e estratégias de lutas, as formas de articulação, comunicação e mobilização, as dificuldades, dentre outros aspectos. Foi enfatizado o fato dos protestos colocarem em questionamento a legitimidade das instituições e organizações políticas tradicionais (parlamentos, partidos políticos e sindicatos). O balanço geral sobre o saldo das manifestações coloca a democracia no cerne do debate atual.