JB XI – Rodolfo Walsh e a Argentina

22 de Setembro de 2015, por IELA


A jornalista argentina Natália Vinelli , Autora dos livros "Comunicación y televisión popular", "Ancla - una experiencia de comunicación clandestina" e "La televisión desde abajo”, traz elementos da literatura e da militância de Rodolfo Walsh, o extraordinário jornalista argentino que ousou noticiar o terror da ditadura, criando uma agência de notícias clandestina.

Não bastasse isso, toda a sua obra literária está marcada pela denúncia e pelo compromisso político com os de “abajo”.

Na conferência “Un abanico o una pistola - Três pistas para pensar a relação entre literatura, jornalismo e intervenção política no pensamento de Rodolfo Walsh”, essa jovem jornalista, também uma militante social, descortinará a beleza e a responsabilidade social de Walsh.

Natália fala no dia 23 de setembro, às 9h 15 min, no Auditório do CSE.