NEHAL inicia estudos em primeiro de abril

15 de Março de 2016, por Elaine Tavares


O Núcleo de Estudos em História da América Latina realiza, sistematicamente, todo o ano, uma série de estudos de autores e clássicos do pensamento latino-americano. Nesse primeiro semestre de 2016, a discussão ficará centrada na Costa Rica, pequeno país da América Central, conhecido por não ter exército.

O debate proposto busca conhecer todo o processo de dominação imperialista estadunidense  garantidor de enclaves e que tinha na "United Fruit Company" seu maior símbolo naquela região até final do século XX. Hoje a dependência ao imperialismo está expressa nas "maquiladoras" (fábricas de montagem de produtos eletrônicos) como sendo seus "novos enclaves".

Nesse ciclo de debates, que terá cinco encontros, será lido e discutido o livro de Rafael Cuevas Molina: “De Banana Republicas a Repúblicas Maquileras”. Segue anexo o índice do livro.

O calendário para o 1° semestre de 2016, cujo primeiro encontro será dia primeiro de abril, está assim definido:

1° Encontro - introdução e cap. 1 = 80 paginas -  dia 01/04/2016;

2° encontro - caps. 2 e 3 = 53 pags.;

3° encontro - caps. 4 e 5 = 59 pags.;

4° encontro - caps. 6 e 7 = 57 pags.;

5° encontro - cap. 8 = 42 pags.

O livro encontra-se na fotocopiadora do CFH na pasta do Prof. Waldir Rampinelli.

Os coordenadores do grupo, Waldir Rampinelli e Elvis Poletto, reforçam que o NEHAL é um núcleo de estudos aberto a participação, portanto cada um e cada uma sinta-se inteiramente a vontade para convidar outros/as a participarem. A única condição é a leitura prévia do livro. O NEHAL se reúne no CFH.

Rafael Cuevas Molina  - autor do livro
Rafael Cuevas Molina - autor do livro