Vulcão ativo na Guatemala provoca mortes

4 de Junho de 2018, por Elaine Tavares

Foto: El Periódico -Cinzas cobrem boa parte do país
Foto: El Periódico -Cinzas cobrem boa parte do país

Já são 25 os mortos contabilizados por conta da erupção do Vulcão de Fogo, no sul da Guatemala, nesses domingo, mas pode haver muito mais. Segundo testemunhas, já na parte da manhã começou a cair cinza e areia, vindas do vulcão, mas as pessoas apenas observaram. A fumaça mais forte começou por volta das 15h e 30min, sem nenhum barulho, e foi só aí que os moradores começaram a fugir. Muitos não tiveram tempo.  O desastre provocou também a evacuação de 3.100 moradores mais próximos, embora tenha afetado quase dois milhões de pessoas. O governo ainda não tem todos os dados sobre desaparecidos. 

Esta é a segunda vez que o vulcão cospe lava em 2018, mas essa foi a mais parte dos últimos anos. Além da lava, que chegou a atingir residências, o vulcão gerou imensas nuvens de fumaça que alcançaram 4.500 metros e cobriram os departamentos de Chimaltenango, Sacatepéquez, Escuintla e Guatemala. 

O governo decretou estado de calamidade pública nesses departamentos e agora se prepara para atender aos desabrigados, visto que é possível que aconteçam novas erupções. 

Com informações de jornais da Guatemala.