Exploração, Superexploração, Dependência e Luta de Classes: uma análise com base na visão de distribuição de Marx

Autores: 
Carlos Schmidt

Resumo

O tema que nos ocupa, a reprodução da força de trabalho (FT), é uma dimensão central das diversas dimensões de articulação das classes sociais. Procuramos, nesse trabalho, avançar construindo mediações entre as formas mais abstratas e as questões concretas do padrão de reprodução da FT nos países periféricos. Neste intento, pretendemos estabelecer um diálogo entre a teoria marxista da dependência (TMD), originada nos estudos de Ruy Mauro Marini, e a escola da regulação francesa. Acreditamos que estas duas correntes teóricas têm a preocupação comum de aproximar as categorias e análises marxistas da realidade concreta: a teoria da dependência, buscando especificidades da reprodução do capital e FT nos países dependentes, articuladas com a reprodução do capital em escala global; e a escola de regulação introduzindo de forma mais explícita a história nas trasnformações no modo de regulação do sistema.