Brizola, história e historiador

6 de Outubro de 2020, por Elaine Tavares


O escritor e professor Gilberto Felisberto Vasconcellos está terminando a edição de mais um livro na sua carreira literária. Desta vez o tema é Leonel Brizola, político gaúcho que se insurgiu com armas na mão para garantir a posse de João Goulart como presidente depois da renúncia de Jânio Quadros. No livro ele apresenta, para além da já conhecida biografia do ex-governador do Rio, a sua faceta de historiador, aquele que faz e registra a história do seu tempo.

Gilberto Felisberto Vasconcellos faz uma recuperação histórico-crítica da atuação de Leonel Brizola desde o levante da Campanha da Legalidade até sua morte. Apresenta os fatos e mostra que o caudilho gaúcho, mais do que um personagem da história brasileira, também produziu história ao protagonizar o mais importante momento de luta da história contemporânea. Não bastasse isso, depois do exílio, Brizola se reincorpora às lutas no país mantendo vivas as bandeiras do nacionalismo e do anti-imperialismo.

Gilberto Felisberto Vasconcellos passeia pelas veredas trilhadas pelo político gaúcho e conta a história política do país desde a visão daquele que é um dos mais importantes nomes da política brasileira. Trata-se de um livro iluminado sobre Leonel Brizola. É também um trabalho original porque compara Leonel Brizola a Lênin e Trotsky, personagens da Revolução Russa de 1917 que, igualmente fizeram história e ao mesmo tempo foram eminentes historiadores.

O livro está em fase final de editoração e em breve já estará disponível para o grande público. O trabalho de edição é de Guilherme Gravina e Elaine Tavares, e a finalização gráfica do jornalista Rubens Lopes.