A umbanda Brizola contra o dízimo de Deus

23 de Junho de 2022, por Gilberto Felisberto Vasconcellos

 idade da Terra  - Glauber Rocha
idade da Terra - Glauber Rocha

Aqui o adversário dos pentecostais não é o materialismo dialético, e sim o folclore, a superstição que se origina em Dante Alighieri, a quem Luis da Câmara dedicou um livro mostrando que sua concepção do céu é a mesma do povo brasileiro. 

Acrescente-se que o povo nunca leu o poeta florentino. Não esquecer que é de Dante a epígrafe de O Capital de Karl Marx.

Tudo aquilo que diz respeito às crendices do povo e que não passam pela mercadoria é objeto de ódio dos pastores que cobrem de porrada os umbandistas nas favelas do Rio de Janeiro.

Sem oposição às igrejas dos crentes não há a menor possibilidade de existir revolução socialista.

Os pobres e os oprimidos no Rio de Janeiro são crentes desesperados, informou Ney Lopes, sambista e lexicógrafo do Rio de Janeiro.

Ney Lopes, que foi amigo do meu professor de cursinho Joel Rufino dos Santos, é autor de um verbete primoroso sobre Edir Macedo. Este teve seu primeiro emprego em lotérica apadrinhado pelo governador Carlos Lacerda. Aprendeu aí a malandragem dízimo. Não por acaso Karl Marx meteu o sarrafo na loteria.